Mercado Mundo Mix “Remix” acontece no Memorial da América Latina

Lu Ribeiro Lu Ribeiro
02 de outubro, 2009

mundo mix
Segunda edição paulista de 2009 oferece moda ao alcance de todos e terá apresentações imperdíveis de covers, além de 25 novas marcas de streetwear alternativas

O Mercado Mundo Mix já se tornou um marco da cena cultural brasileira, e nessa edição, que acontece no Memorial da América Latina, nos dias 3 e 4 de outubro, além da moda ao alcance de todos como premissa, aposta no conceito Remix, com pessoas e bandas que sem apelar para a imitação de trejeitos e com arranjos originais fazem sucesso com covers de nomes como Amy Winehouse, David Bowie, Cher e Lady Gaga, mostrando que ficou para trás a época em que banda cover era sinônimo de grupos caricatos. O evento traz músicos que propõem versões pessoais de sucessos dos outros para um público descolado e moderno.

Seguindo os conceitos multiculturais e integradores do evento, o Mundo Mix apresenta 25 novas marcas, além de contar com uma exposição que unifica o trabalho de sete fotógrafos e ter um line up imperdível, que inclui a descolada festa paulista Gambiarra, que se apresenta no domingo.

Sob comando de Beto Lago, idealizador do projeto, o Mercado Mundo Mix sempre manteve sua proposta de apresentar novos formatos de exposição, com linguagem jovem, urbana e alegórica. Como uma verdadeira babel, reúne moda, música, arte e comportamento em um único espaço.

“O Mercado Mundo Mix foi concebido para ser um evento democrático e plural. Direcionado para pessoas que buscam identidade própria e que têm preocupação estética diferente. Um comércio efervescente para as principais marcas de moda, música e design e que fomenta a cultura contemporânea”. Afirma Beto Lago.

Sobre o Mercado Mundo Mix

Marca criada em 1994, catalisa o comportamento jovem urbano, as mais diversas tendências criativas e promove a novíssima produção de criadores. Com mais de 200 edições realizadas, passou por 14 cidades em 8 estados brasileiros, além de realizar edições em Portugal, atingindo uma audiência de aproximadamente dois milhões de consumidores. Marcas como Chilli Beans, Doc Dog, Slam, A Mulher do Padre (AMP), Mário Queiroz, André Lima, Marcelo Sommer, Thais Gusmão, Érika Ikezili, Fábia Bercseck, Walério Araújo, Cavalera, Carlos Tufvesson, Complexo B, entre outras consagradas, deram seus primeiros passos no Mercado Mundo Mix.

Line Up:
– Sábado (03/10)
16hs às 17hs Da lua + Dj Tuburão
17hs às 18hs Pomba
18hs30 Madonna por Lemoine
Lady Gaga por La Belle Beauty
The Ting Tings por Raphaella
Cher por Paulette Pink


Domingo (04/10)
16hs às 17hs Deftones por Dathtones
17hs às 18hs Marilyn Monroe por sweetie Bird
18hs às 19hs David Bowie Heroes por André Frateschi
19hs às 20hs Amy Whinehouse
20hs às 22hs Gambiarra – A Festa (DJs Talita Castro e Miro Rizzo)

O Mundo Mix sugere a ida ao evento de metrô ou bicicleta.

Serviço

Mercado Mundo Mix
Dias 3 e 4 de outubro de 2009
Horário: 14 horas às 22 horas
Local: Memorial da América Latina
Telefone: 3081 4431
Preços: R$ 5,00 entrada
Informações e programação: www.mercadomundomix.com.br

Postado por Alessandra Bizzetto
www.bizetto.com.br
(11) 7864-7251
I.D. 55*80*57171

Planejando Moda!

Lu Ribeiro Lu Ribeiro
02 de outubro, 2009

lurib-01
Postado por Lu Rybeiro
Fotos: reprodução

Tecidos Orgânicos – A busca pela sustentabilidade

Lu Ribeiro Lu Ribeiro
02 de outubro, 2009

tecido-01

Muitos consumidores hoje têm preferência por produtos que respeitem o meio-ambiente. Da mesma forma que os alimentos, os órgãos reguladores hoje certificam a produção de Tecidos Orgânicos, que recebem o selo do IBD (Instituto Biodinâmico de Desenvolvimento Rural).

Roupas sustentáveis devem ser feitas com tecidos produzidos a partir de materiais renováveis. Os principais tecidos orgânicos são: o algodão (o mais consumido), lã, seda, cânhamo, bambu, soja e Tencel (fibra proveniente da polpa de madeira).

Os rigorosos critérios envolvidos na produção desses tecidos impactam diretamente no preço. Por exemplo, produção da lã orgânica implica em diversos cuidados especiais na criação das ovelhas, como a alimentação ser essencialmente orgânica, não utilizando pesticidas nos pastos, não há uso de hormônios que induzam o crescimento da lã, e até mesmo o número de animais é limitado conforme a área.

tecido-02

Na industrialização também são aplicadas somente técnicas e produtos ecologicamente corretos, como corantes naturais para o tingimento, mesmo assim os tecidos orgânicos podem ser produzidos em todas as cores, exceto branco óptico, uma vez que contém substâncias que não são compatíveis com os padrões da tintura orgânica.

Algumas vezes os tecidos orgânicos e sustentáveis requerem cuidado especial. Embora muitos possam ser lavados à máquina, alguns requerem lavagem a seco ou à mão, e é importante lembrar de utilizar sabão biodegradável.

tecido-03
tecido-04
Postado por: Lu Okawa
Fotos: reprodução

O estranho (e maravilhoso) mundo de Tim Burton nas páginas da Harper’s Bazaar

Em
Lu Ribeiro Lu Ribeiro
01 de outubro, 2009

burtonbazaar-02

Antecipando a mostra-retrospectiva de seus trabalhos no New York Museum of Art, o diretor Tim Burton abre a sua caixa de pandora na revista Harper’s Bazaar América.

No editorial “Tim Burton´s Tricks & Treats“, o top fotógrafo Tim Walker mixa a estética dark e freakchic do cineasta e revisita de maneira fashion os personagens mais famosos do diretor como “Edward Mãos-de-Tesoura, “A Noiva Cadáver“, “O Estranho Mundo de Jack“, “Alice no País das Maravilhas“, entre outros. Um verdadeiro arraso! Confira abaixo o editorial completo.